Em ação rápida Polícia Militar de Naviraí recupera camioneta roubada e liberta família feita refém

0
75

Na noite da última sexta-feira (16), por volta das 21h30min, policiais militares lotados no 12º Batalhão de Polícia Militar de Naviraí, receberam denúncia, via Central de Operações, de que um veículo Chevrolet/S10 de cor preta, havia entrado na contramão de direção nas proximidades do Auto Posto Ipiranga, localizado Avenida Amélia Fukuda, e tomado sentido ao Parque de Exposições Tatsue Suekane, o denunciante informou, ainda, que o veículo, provavelmente, seria produto de roubo e/ou furto.

De imediato uma guarnição de serviço deslocou até o local informado e diligenciou até o final do prolongamento da Avenida Amélia Fukuda. No momento em que a viatura passava em frente ao Lar do Menor, uma caminhonete com características semelhantes, retornava em alta velocidade (sentido BR-163/Centro).

A viatura realizou o retorno e iniciou o acompanhamento tático com o intuito de abordar tal veículo, no entanto, ao perceber a presença policial, o condutor tentou empreender fuga e adentrou na Avenida Jorge Calixto, e logo em seguida entrou na Rua Eldorado (rua esta que fica atrás da Olaria Santa Catarina). Contudo, logo foram abordados pela guarnição.

Após as ordens emanadas do Comandante da Viatura, desceu o condutor, identificado posteriormente como um adolescente de 15 (quinze) anos e em sequência, o passageiro, um homem de 25 (vinte e cinco) anos. Dentro do veículo, ainda foi encontrada uma réplica da pistola 24/7 9MM da Forja Taurus, dinheiro em espécie e objetos das vítimas.

Ao serem questionados, os dois confessaram que juntamente com um terceiro indivíduo, também menor com 15 (quinze) anos, resolveram praticar o roubo da caminhonete, cujo objetivo era leva-la para o território paraguaio. Que de posse da pistola réplica da PT 24/7, e um revólver calibre 38, invadiram a residência e fizeram as vítimas de reféns, amarrando-as.

Relataram ainda, que saíram da residência levando consigo a caminhonete, bem como a quantia de R$ 955,00 (novecentos e cinquenta e cinco reais) em espécie, celulares e dois relógios de pulso. Contudo, os relógios, celulares e a segunda arma ficaram em poder do terceiro envolvido na empreitada criminosa, que foi identificado, porém não localizado.

Foi solicitado apoio das outras viaturas para que liberassem as vítimas que permaneciam presas dentro da própria residência. Após liberadas, as vítimas foram encaminhadas à Delegacia de Polícia Civil.

Foi dada voz de prisão ao homem e feita a apreensão do menor, ambos foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil, juntamente com o produto do roubo e apresentados à Autoridade Policial, para que fossem tomadas as demais providências pertinentes as caso.

Assessoria de Comunicação Social CPA-1/12º BPM.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here