Sábado, 12 de Junho de 2021
99 99999-9999
Anúncio
Saúde Paraguai

Covid: Paraguai lidera ranking de óbitos por milhão de habitantes

Estatística leva em conta mortes a cada milhão populacional

26/05/2021 21h17
612
Por: Redação Fonte: ASSESSORIA DE IMPRENSA
Covid: Paraguai lidera ranking de óbitos por milhão de habitantes

A situação crítica do país devido ao coronavírus se reflete nos números que hoje posicionam o Paraguai como o país com mais mortes por milhão de habitantes. Enquanto isso, as vacinas anticovid chegam por conta-gotas.

Nas últimas semanas, o país se posicionou como o segundo país com mais mortes de covid-19 por milhão de habitantes, atrás do Uruguai.

 

No entanto, nos últimos dias, ao registrar números acima de 100 mortes diárias, o Paraguai passou a liderar essa escada não honrosa.

Como se não bastasse, as projeções indicam que ocorrerão 140 mortes por dia entre junho e julho.

Isso é confirmado pelos dados publicados pela WorldoMeter, que coloca nosso país em primeiro lugar, seguido por Uruguai (2 °), Maldivas (3°), Colômbia (4 °) e Argentina (5 °). 

O resultado vem depois que o Paraguai bateu o número máximo de mortes registradas em um dia por vários dias consecutivos, registrando picos de 120 mortes em 22 de maio e 125 em 23 de maio.

Segundo dados da WorldoMeter, esses números levaram o país a se posicionar como líder na referida lista não só na América do Sul, mas também no mundo.

A atual posição desconfortável do país como líder nesta tabela é tomada com base no total da população paraguaia. De acordo com as projeções do Instituto Nacional de Estatística, nosso país tem atualmente uma população de cerca de 7.200.000 habitantes, cifra tomada como amostra por WorldoMeter para chegar a resultados que indicam que atualmente em nosso país ocorrem 17 mortes por dia por milhão. dos paraguaios.

Seis sul-americanos entre os dez primeiros

A lista continua (do sexto lugar) com Bahamas (6º), Macedônia do Norte (7º), Peru (8º), Chile (9º) e Suriname (10º), mostrando assim que na América do Sul há seis países entre os dez primeiros.

 

Segundo essas estatísticas, atrás do Paraguai, que registra 17 mortes por milhão, está o Uruguai também com 17 mortes por milhão, mas com uma população de apenas 3.400.000 habitantes.

A Colômbia é seguida com 10 mortes por milhão; Argentina com 8, Peru e Chile com 7 mortes por milhão de habitantes.

Por sua vez, o Brasil, que se tornou o primeiro e depois o terceiro, atrás do Paraguai, agora está muito atrás com uma taxa de 4 mortes por milhão.

A situação epidemiológica do país mostra números elevados constantes, segundo o relatório de Saúde Pública que ontem mostrou que 117 pessoas morreram de cobiça, elevando o número para 8.591 mortes. Das 6.993 amostras processadas, 3.223 foram positivas, enquanto 3.664 pessoas estão internadas, sendo 601 em terapia intensiva. O relatório indica que 2.215 recuperados

 

(total: 279.343). Até ontem, 268.707 pessoas foram vacinadas (3,7% da população total).

 
Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias