Domingo, 23 de Janeiro de 2022
99 99999-9999
Polícia PONTA PORA

Policiais militares de Ponta Porã são presos em operação da Polícia Federal

Eles integram a Força Tática do 4o BPM na cidade

15/12/2021 09h50
222
Por: Redação Fonte: Assessoria de Imprensa
Integrantes do 4o BPM são presos em ação da Polícia Federal na operação Aqueus
Integrantes do 4o BPM são presos em ação da Polícia Federal na operação Aqueus

Os policiais suspeitos fazem parte da Força Tática do 4° Batalhão de Ponta Porã, são eles: Jean Carlos Vaz Elias, Everton Gabriel Ferreira Lucas, Tatiane Belarmino da Silva e José Fernando Roda Gomes. Contra eles foram cumpridos mandados de busca e apreensão, nas casas e no Batalhão da PM. 

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (14/12), em Três Lagoas/MS, a Operação AQUEUS com o objetivo de desmantelar grande organização criminosa dedicada ao tráfico ilícito de drogas e à lavagem de dinheiro.

Durante as investigações, que se iniciaram em março de 2020, verificou-se a existência deste grande grupo criminoso liderado por dois indivíduos residentes do município de Três Lagoas/MS.

Os líderes adquiriam carregamentos de droga em Ponta Porã/MS e coordenavam, à distância, todo o transporte da droga, a qual era armazenada em um depósito em Campo Grande/MS. Após, seguia para o entreposto três-lagoense, de onde era distribuída para diversos locais do país, principalmente interior e litoral paulista, Grande São Paulo e interior de Minas Gerais.

Para a movimentação dos valores envolvidos nas negociações, a organização indicava contas bancárias de empresas de fachada para os compradores, fazendo com que o pagamento da droga chegasse diretamente ao fornecedor na região fronteiriça. Estas contas eram administradas por um núcleo especializado em lavagem de dinheiro, que prestava este tipo de serviço ilícito a diversas organizações criminosas. Foi constatado que este núcleo movimentou, em um período de 14 (quatorze) meses, mais de R$ 155 milhões de reais.

 
Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias